Defesa Civil segue monitorando a situação das chuvas no município


 Desde a semana passada, o estado de Pernambuco vem recebendo volumes intensos de chuvas, que já resultaram em 93 mortes e mais de 20 desaparecidos no Grande Recife. No interior, nas regiões norte e sul da Zona da Mata, o cenário também tem sido de alerta. Várias cidades registraram ocorrências. Em Chã Grande, a Defesa Civil vem realizando um trabalho de monitoramento e ação em virtude das chuvas.

De forma preventiva, a Defesa Civil se reuniu na semana passada com as secretarias de Urbanismo, Obras e Infraestrutura e Administração para traçar metas de trabalho para o município, principalmente por conta dos avisos emitidos pela Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC) no decorrer dos dias. As fortes chuvas chegaram, principalmente no fim de semana. Nesta terça, o órgão local ainda segue em estado de observação, como recomenda a APAC para as regiões do Grande Recife e Zona da Mata.

O foco do trabalho de monitoramento da Defesa Civil em Chã Grande é o de áreas de risco. Com morros e encostas dominando quase que toda a paisagem urbana, a colocação de lonas segue a todo vapor em vários pontos da cidade. E tem sido esse trabalho conjunto que tem evitado o pior no município.

Segundo os dados da Defesa Civil, o sábado (28), com o maior volume de chuvas até então, foram registradas 18 chamadas para o órgão na cidade. A orientação é de que as pessoas que moram em áreas de riscos fiquem atentas às barreiras. Em caso de alterações, a Defesa Civil deve ser acionada através do número (81) 9 9284 – 8667.


0 Comentários

header ads
header ads header ads