CONFIRMADO: Anderson Ferreira e Gilson Machado são os candidatos de Bolsonaro


Jamildo Melo
 • Confirmaram-se nesta quinta-feira (10) as especulações sobre a candidatura bolsonarista nas eleições majoritárias em Pernambuco. Anderson Ferreira (PL) e Gilson Machado Neto serão os candidatos de Jair Bolsonaro (PL) ao Governo do Estado e Senado, respectivamente.

Como o Blog de Jamildo adiantou, Anderson Ferreira e o PL estavam se preparando para abraçar o bolsonarismo em Pernambuco. A manobra é arriscada, pois o apoio do presidente Jair Bolsonaro pode inviabilizar uma campanha ao Governo do Estado, segundo pesquisas.

A confirmação aconteceu através de vídeo divulgado há pouco pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). O presidente da República aparece ao lado do prefeito do Jaboatão dos Guararapes, pré-candidato da legenda ao Governo de Pernambuco, e do ministro do Turismo, pré-candidato ao Senado Federal.

"Estou com o Anderson Ferreira ao meu lado, aqui, e o Gilson Machado, também, e cada vez mais, estamos nos organizando para que possamos bem representar o nosso estado e o Brasil, por ocasião do futuro político que se apresenta para todos nós. Estamos somando forças com o nosso pré-candidato ao Governo de Pernambuco, Anderson Ferreira, e, também, Gilson Machado, para o Senado. Estamos juntos. O Brasil é nosso, e tenha certeza, Pernambuco cada vez mais forte juntamente com o Governo Federal", assinala Bolsonaro.

Dessa forma, a oposição agora tem três prefeitos de grandes cidades concorrendo ao Governo de Pernambuco. Além de Anderson Ferreira, Raquel Lyra (PSDB-Caruaru) e Miguel Coelho (MDB-Petrolina) já fazem pré-campanha para ocupar o Palácio Campo das Princesas.

No encontro, estavam presentes o deputado federal André Ferreira, o deputado estadual Feitosa, presidente da Embratur Carlos Brito, o diretor da Embratur Silvio Nascimento e o secretário Eduardo Machado.

Apoio de Anderson Ferreira a Jair Bolsonaro foi construído

A aproximação de Anderson Ferreira e Jair Bolsonaro não aparenta naturalidade. Quando desembarcou no PL, Jair Bolsonaro criou um problema na aliança sua aliança com Raquel Lyra, também pré-candidata ao Governo de Pernambuco.

Esperava-se que o Prefeito de Jaboatão fosse candidato ao Senado numa chapa liderada pela prefeita de Caruaru. Com o desembarque do presidente no PL, porém, a aliança passou a ser vista por aliados como inviabilizada.

Quando Gilson Machado esteve no Recife, em fevereiro, foi questionado se conversava com Anderson Ferreira. A resposta foi um contundente "não". O prefeito de Jaboatão, até então, dava demonstrações de que não queria ser atrelado ao presidente Jair Bolsonaro, apesar de estarem no mesmo partido.

0 Comentários

header ads
header ads
header ads