Conta de luz pode ficar mais cara para 155 mil pernambucanos


Humberto Cassimiro
A conta de luz de 155 mil pernambucanos pode ficar mais cara até o fim de 2022. Isso porque alguns dos beneficiários da Tarifa Social, que garante até 65% de desconto na fatura da energia elétrica, precisam atualizar seus dados no Cadastro Único (CadÚnico).

Para cerca de 55 mil desse total, segundo a Neoenergia Pernambuco, concessionária responsável pela distribuição de energia elétrica no estado, a atualização precisa ser feita ainda no mês de maio.

A atualização dos dados no CadÚnico é necessária para que os beneficiários da Tarifa Social não percam o direito ao desconto e passem a pagar mais caro na conta de luz.

QUEM PRECISA ATUALIZAR OS DADOS NO CADASTRO ÚNICO?

Os cidadãos que se beneficiam da Tarifa Social e que precisam atualizar os dados no CadÚnico devem ter recebido um aviso na própria conta de luz sobre a pendência e o prazo para regularizar a situação.

Para saber a razão da retirada do benefício e regularizar a situação, é necessário procurar um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do município em que reside.

"É válido salientar que a indicação das famílias que perderão o benefício em caso de não atualização é feita pelo Ministério da Cidadania e Aneel, e não a distribuidora", explica a superintendente comercial da Neoenergia Pernambuco, Érica Ferreira.

COMO FAZER A ATUALIZAÇÃO DOS DADOS?

O pernambucano que precisa se manter no programa Tarifa Social pode se dirigir a um CRAS do município em que mora. Os documentos necessários podem ser conferidos no site do Ministério da Cidadania.

QUEM AINDA NÃO TEM TARIFA SOCIAL FAZ O QUÊ?

Cerca de 1,1 milhão de pernambucanos estão cadastrados na Tarifa Social atualmente. Aqueles que têm NIS ou NB (BPC/LOAS) e que ainda não aderiram ao benefício podem se inscrever pelo WhatsApp da Neoenergia, que atende pelo número (81) 3217-6990.

A adesão ao benefício pode ser solicitada pelo site da concessionária ou em algum dos pontos de atendimento da empresa. É válido lembrar que apenas com o NIS em mãos o cliente pode solicitar a Tarifa Social à concessionária. Famílias de baixa renda que ainda não possuem um NIS podem se dirigir a um CRAS para solicitar o documento.

MAIS FAMÍLIAS PODEM TER DIREITO À TARIFA SOCIAL

A Neoenergia ainda estima que muitas famílias que são inscritas no CadÚnico e possuem um NIS têm direito à Tarifa Social mas ainda não são beneficiadas.

Isso porque muitas vezes o titular do NIS não é o mesmo da conta de energia elétrica, o que impede, por exemplo, o cadastramento automático pelo cruzamento de informações da empresa com o Cadastro Único.

CONCESSIONÁRIA REALIZA MUTIRÃO DE CADASTRAMENTO NA TARIFA SOCIAL EM MAIO

Para os clientes que desejam realizar o cadastramento na Tarifa Social, a solicitação pode ser feita pelos canais de atendimento da Neoenergia Pernambuco ou em ações itinerantes.

Durante todo o mês de maio, equipes da concessionária estarão em vários pontos do Recife e do Jaboatão dos Guararapes para realizar o cadastramento desses clientes.

Além disso, unidades dos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS) dos dois municípios também devem participar do mutirão. Assim, o cliente pode garantir ao mesmo tempo o número do NIS e o cadastro na Tarifa Social.

AGENDA DAS AÇÕES ITINERANTES

9 a 11/05 – Habitacional Olho D'Água – Cajueiro Seco

10 a 13/05 - Compaz Governador Eduardo Campos - Alto Santa Terezinha

13/05 - Parque da Macaxeira – Macaxeira

14/05 – Comunidade Cirandeiros – Vasco da Gama

15/05 - Avenida Guararapes – Centro do Recife

16 a 19/05 - Mutirão Procon São Lourenço

20/05 - Compaz Ariano Suassuna

23 a 27/05 – Ibura

27/05 - Largo da Encruzilhada – Encruzilhada


0 Comentários

header ads
header ads
header ads